Revista PERIFERIAS reafirma protagonismo de territórios periféricos no mundo

Por: Por Daniel Stefani(daniel@imja.org.br) / Comunicação Instituto Maria e João Aleixo
Lançada no dia 19 de Maio de 2018, a edição inaugural da Revista PERIFERIAS consolida importante projeto do Instituto Maria e João Aleixo: projetar-se como um centro internacional de altos estudos sobre as Periferias. A Revista é um meio, e seu objetivo é afirmar o protagonismo das Periferias, Brasil e mundo afora, à medida que disputa, defendendo a Potência das Periferias e de seus sujeitos, como premissa para a construção e condução de um veículo de comunicação — exclusivamente voltado para as Periferias e às questões periféricas. Disputar narrativas hegemônicas, construindo e dando espaço e voz às autênticas e legítimas narrativas que afirmem a Potência das Periferias — é proposição central para a Revista.

Integralmente traduzida e veiculada em quatro idiomas — Português, Espanhol, Francês e Inglês — a Revista Periferias não apenas estende o acesso à leitura, mas amplia sua atuação à esfera participativa, uma vez que aceita submissões de conteúdo em qualquer um dos idiomas mencionados. Para saber mais, visite a Secão “Expediente” da Revista.

E claro, não deixe de conhecer nosso número inaugural, que conta com uma forte diversidade de conteúdos: artigos da Maré — Rio de Janeiro; Molenbeek — Bruxelas; Praia — Cabo Verde; e a sessão Narrativas Estéticas: Entrevista com Ailton Krenak, importante liderança indígena para a América Latina; depoimento sobre vida em prisão na Escócia; Poesia Maloqueirista, de São Paulo; Quadrinhos de Goa- Indía; e diversas outras resenhas. Leia ainda A Carta da Maré — O Manifesto das Periferias, traduzido para dez idiomas.

Leave a Reply